ZEN Surf. de Trem !!! Em ondas de viagens e informação ...

Zen surf de trem é um blog/coluna, que aborda de maneira jovial e sem compromisso, a realidade de um lugar diferente, os pensamentos de um sonhador e as informações de uma banda que luta em busca divulgar o seu som e sua ideologia . Um blog onde o debate é a palavra de ordem, do social a ufologia, sempre respeitando a opinião do próximo. Publicado em diversos jornais e sites do Mato Grosso do Sul.

segunda-feira, 16 de maio de 2011

Soy Surfista - 1º Single dos Surfistas de Trem (versão crua)

Em primeira mão e com muita satisfação, que disponibilizo o 1º single da banda Surfistas de Trem. A canção escrita por John Caetano e Alexandre Parra em 2009, pouco a pouco vai sendo concluída, e retrada todo o swing, característico dos "Surfistas". Com forte influência da soul music, Soy surfista é a identidade da banda, cantada em português e espanhol, quem conhece os Surfistas na certa irá se identificar com a levada. A versão disponibilizada, é a cópia crua do estúdio, sem qualquer mixagem, nem masterização, mesmo assim, estamos disponibilizando para os amigos e seguidores do blog, afim de divulgação entre o meio. 

video


Soy Surfista
De: Surfistas de Trem 



Pense no que falo
Mas não faça o que eu te digo
Faze o que tu queres
Sempre serei um bom amigo

Y si aciendo un cigarrilho
No és pra llamar su atencción
E tudo que eu faço já não parece ter razão

Nem mesmo se o universo eu pudesse lhe entregar
Nem mesmo se quisesse, poderias me amar
Não sei se eu acredito ou se é mera enganação
Eu sei que eu sou do bem, sou surfista de trem e apresento solução
Eu sei que eu sou do bem, sou surfista de trem e apresento solução
(pra todo e qualquer tipo de problema, como eu e você e você e eu) 2X

Por que os grandes problemas 
Estão nos olhos de quem vê
E se não tem explicação, tem razão pra acontecer
Pois a razão nem sempre escuta os bons conselhos do saber
Mas eu surfo em trem e posso ajudar você

Estoy em Pedro Juan, estou em Ponta Porã
Los bares de su calle, fazem nossa inspiração
En la frontera solo hay un pueblo, somos uma só nação
Y la cultura si mistura, quando hablo en guaran
  Recuerdos dulces de Ypacaray

sexta-feira, 13 de maio de 2011

FATOS INACREDITÁVELMENTE VERDADEIROS - Parte 01 - Tomando um falso engov !!!

Hoje começaremos a expor no blog, algumas daquelas histórias que acontecem com alguns amigos, conhecidos, vizinhos etc etc etc, que quando contadas, muitas vezes parecem ser a maior "lenda", e só vem a ser confirmadas com o depoimento de várias pessoas. Essa história que vamos relatar, foi enviada por um amigo, Yuri Ortiz, vulgo Mendi. O rapaz jura de pés juntos que a história é veridica, e quem sou eu para duvidar, nesse mundo existe muita loucura. O Yuri, não quis em hipótese alguma, revelar a identidade do tal sujeito. Porém disse que se a história fosse publicada, com toda certeza muita gente que sabe do fato iria, relembra-lo. Pois bem, ai está a história do rapaz que tomou um engov falso.  

História verídica de um camarada da pesada!


Domingo, por volta de 6 h da manhã o Tal Fulano acaba de chegar em casa...se esbarrando pelas paredes, tropicando em tudo que ousava permanecer em seu caminho.... Fedendo cachaça e cigarro, meio vesgo até...vai pra suíte, e toma uma ducha pra ver se entende o que ta acontecendo. Depois do banho ele, ainda sem roupa, se dirige até a cozinha, abre a geladeira, abre todas as caixinhas de leite que ali estão, põe na maior panela que encontra bota no fogo....Enquanto isso, a mãe, a tia e suas duas avós, que estão sentadas na cozinha tomando chimarrão, se entre olham espantadas sem saber o que dizer.Quando finalmente umas delas consegue (vamos dizer assim) perguntar o que está acontecendo, o Tal Fulano sente como se um raio tivesse caído na sua cabeça e percorrido sua espinha até os pés, e, como se tivesse acabado de acordar de um sonho, se sente meio desorientado, e antes de qualquer outra coisa se toca que aquele comprimido não era Engov.

terça-feira, 3 de maio de 2011

INSCREVA-SE AQUI !!! 1º Festival Rock and Rave KASABIAN OUTSIDE ...

Inscreva-se aqui, deixe seu nome e e-mail nos comentários, para ganhar um pré-convite do 1º Festival Rock and Rave do KASABIAN Pub.


  
O primeiro festival do Kasabian Pub, será no Celsius, em 06/05/2011 (sexta-feira) e contará com as bandas:

C3 (Rock and Roll)
Muchileiros (Rock Latino)
Surfistas de Trem (Rock and Soul) 
Billy Joe ( Pop Rock) 

Pós bandas DJ´s com o melhor da música eletronica.

Um evento para seres pensantes.

OBRIGATÓRIA À APRESENTAÇÃO DO PRÉ-CONVITE. 

Citruska Free para Mulheres até 1 h.



Pré Convites Limitados. Inscreva-se aqui e garanta o seu.

 

segunda-feira, 2 de maio de 2011

O “mau” filho a casa volta. Ponta Porã, rumo a Segundona !!!







Até agora estou tentando compreender o que houve com aquela equipe empolgante e guerreira que faturou o caneco da segundona no ano de 2010. A verdade é que muita gente tenta explicar, mas ninguém consegue, e enquanto isso, nossa equipe pouco a pouco caminha novamente para disputar a segunda divisão do estadual. Seria o atual time, uma equipe de “segunda”? Para quem acompanhou os jogos ano passado, tenho certeza absoluta que “botava a maior fé” em uma boa participação este ano na primeira divisão.
A questão é, quando o time está bem os elogios sempre fluem, até mesmo esta coluna fez questão de exaltar a ótima campanha que o time da terrinha fez, se sagrando campeão em 2010. E olha, que minha opinião não é meramente de um articulista, é sim de um amante do futebol, que fez questão de ir a quase que 100% dos jogos disputados no Aral Moreira no ano passado. Para este ano assim como grande parte do público que acompanhou a vitoriosa campanha da equipe na série B, esperava boas apresentações ao menos, acreditava que tínhamos chances sim, de quem sabe se sagrar campeões da série A, pois o futebol anteriormente apresentado era guerreiro e se faltava entrosamento, sobrava raça. Bem diferente do que está sendo apresentado. E não me venha com a desculpa de que o time mudou. A base da equipe continuou a mesma, o que não é mais a mesma é a raça.
E se quando vão bem os elogios aparecem, quando mal as críticas também surgem. Com a medíocre campanha feita, a equipe de Ponta Porã ocupa a última colocação do seu grupo, e pior do que isso, é visível a preguiça de alguns jogadores dentro de campo. Meus amigos, não me venham com essas desculpas de que a arbitragem nos prejudica, por que time que toma de 3X0 e 4X0, nem se tivesse o juiz a favor ganharia. Nenhum um gol marcado! Está cada vez mais difícil pagar 10 reais, para assistir o pífio futebol apresentado até agora. Nem mesmo quem não paga agüenta. Na última partida aqui no Aral, nem o prefeito, que foi um dos maiores desportistas de Ponta Porã, aguentou e assim como a grande maioria deixou o estádio antes mesmo do jogo acabar. Outro que não agüentou, e partiu, deixando o barco antes que ele afundasse, foi o técnico Ney César.
Caríssimo presidente e diretores do clube, está difícil dar o apoio que vocês tem solicitado nos jogos, o time está completamente perdido dentro de campo. Sem um volante descente e sem meio campo, fica muito difícil para o Carlão segurar à zaga sozinho e ainda tentar lançamentos à base do “chutão pra frente”. Agora a torcida que antes era para uma possível classificação para a Copa do Brasil, é para não ser novamente rebaixado.
          Neste domingo estaremos lá novamente, por que quem acredita sempre alcança, mas está difícil acreditar desse jeito.

Pratique o Zen Surfismo de Trem: Corpo são , mente sã (((((Em ondas de viagens e informação !!!))))

Loading...